Métodos de análise de dados: quais são e como utilizá-los? Saiba!

3 minutos para ler

Conhecer bem os métodos de análise de dados é fundamental para o andamento promissor de uma organização.

A análise de dados é a avaliação profunda de todos os acontecimentos e dos resultados das atividades diárias de uma empresa. Sendo assim, essa é uma prática essencial, que tem a capacidade de transformar números em informações capazes de contribuir para a resolução de problemas.

Para que a análise de dados se concretize, é importante estabelecer alguns aspectos de como colher os referidos elementos.

Quer conhecer alguns métodos de análise de dados que vão proporcionar uma renovação na sua empresa? Continue a leitura!

Preditivo

A análise preditiva é uma técnica utilizada para obter informações prévias sobre alguns assuntos, como a dinâmica do mercado, expectativas dos clientes, fluxo e possibilidades de vendas etc.

Diante dessas importantes informações, os gestores têm maior possibilidade de fazer um planejamento mais alinhado sobre essas circunstâncias e, assim, realizar as atividades mais adequadas para o sucesso do negócio.

Prescritivo

A análise prescritiva é, de certa maneira, similar à análise preditiva. O que difere uma da outra é que a análise prescritiva tem foco em medidas assertivas para as decisões do momento.

É fundamental que essa intervenção seja melhor que as outras tomadas anteriormente, pois o objetivo da análise prescritiva é avaliar a eficiência dos processos para intensificar as ações resolutivas.

Esse método de análise é um dos recursos mais desafiadores, pois exige que os gestores tenham certo conhecimento sobre técnicas de data science. Poucas empresas fazem uso desse tipo de análise por conter alto grau de complexidade. Portanto, utilizá-la pode ser um grande diferencial para alavancar a produtividade da sua organização.

Diagnóstico

A análise diagnóstica tem o objetivo de coletar informações de forma mais generalizada. Um ponto de grande valor a ser observado, por exemplo, é o conhecimento do público-alvo, o que inclui seus gostos e outras informações que possibilitem a comparação de métricas e o investimento em um marketing direcionado a essa clientela.

Para fazer uma abordagem mais eficiente, vale realizar algumas indagações pontuais, como:

  • quem?
  • quando?
  • onde?
  • como?
  • por quê?

Após coletar as respostas do diagnóstico, é hora de avaliá-las e realizar projeções estratégicas para expandir os melhores resultados para a sua instituição. Nesse sentido, a análise diagnóstica forma uma dupla eficiente com a análise preditiva — as duas se complementam.

Exploratório

Para que as análises exploratórias aconteçam, um profissional deve realizar a identificação de alguns pontos dos dados antes de integrá-los no sistema ou observar se eles estão incompletos antes de realizar esse serviço.

Portanto, para utilizar os métodos de análise de dados, é importante fazer uso de estratégias que podem apresentar um diferencial nos resultados dessa ação. É preciso passar por diferentes etapas, como análises exploratórias, modelagem de dados e geração de relatório, de modo a valorizar ainda mais a metodologia de análise da sua empresa.

Achou as informações deste post interessantes? Então, convidamos você a curtir a nossa página no Facebook, para ficar atualizado sobre as nossas postagens e, assim, se manter bem informado!

Ebook Inteligência de Mercado
Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-