O que é data driven marketing e qual sua importância? Entenda!

4 minutos para ler

A utilização de dados reais dentro do marketing se tornou cada vez mais útil e frequente, apesar de não conhecermos 100% do seu potencial. O data driven marketing, ou o marketing guiado por dados, está sendo usado de forma estratégica por organizações que querem despertar o interesse do público correto por meio do uso de dados reais.

Dados e números são importantes, ainda mais quando se trata de alcançar um público-alvo ou de acompanhar alguma tendência atual, mas ainda sim é necessário ter certeza da qualidade das informações que o profissional de marketing estuda.

Teve interesse no assunto e procura utilizar essa estratégia no seu negócio? Então, continue a leitura!

O que significa data driven marketing?

Como dito um pouco antes, data driven significa em sua tradução “guiado ou dirigido por dados”, ou seja, é o uso de informações seguras e concretas nas ações de marketing. Tais ações são guiadas por dados confiáveis, extraídos por meio do uso de soluções adequadas, como Big Data, Business Intelligence entre outras.

Qual a importância do data driven marketing?

A importância do data driven marketing depende muito do objetivo atual da empresa, mas, no geral, esse processo permite aprofundar-se nos detalhes do público, entendendo as necessidades de cada cliente. É uma pesquisa simples e de fácil implementação devido ao uso das soluções de análise.

Alguns exemplos de benefícios são:

  • melhora a segmentação do público;
  • maior relevância às estratégias de marketing;
  • aperfeiçoa a experiência do cliente;
  • compara variáveis por meio de testes A/B, entre outros.

Assim, é possível chegar a uma média de quanto uma empresa precisa gastar para alcançar o interesse do consumidor, evitando custos e despesas desnecessárias.

Como aplicar essa estratégia na empresa?

Há diversas maneiras de aplicar o data driven marketing, mas, antes, será necessário analisar alguns fatores, por exemplo, qual é o melhor uso da estratégia, qual público a organização quer alcançar e se a forma de analisar os dados está correta e segura.

Uma dessas estratégias é a segmentação do público certo. Com ela, a empresa consegue saber até mesmo o horário em que seus consumidores estão ativos. Isso ajuda a organização a concentrar seus esforços no momento correto.

Outro exemplo é a utilização do data driven marketing para descobrir se há alguma insatisfação por parte do consumidor e o porquê disso. Assim, a organização pode avaliar e ajustar os fatores que levaram o cliente à insatisfação, conforme a necessidade, aumentando a experiência do consumidor e a sua fidelidade.

Além disso, pesquisas via e-mail ou por anúncios não devem ser descartadas, já que permitem determinar quem são os seus consumidores.

Já não é surpresa o fato de que o uso de dados dentro do comércio tende a aumentar. Diversas tecnologias, estratégias, tecnologias e soluções estão nos esperando em um futuro próximo. Agora, tudo será baseado em dados concretos graças às soluções de analytics, que nos propõe as soluções como a BI (Business Intelligence) e Big Data.

Como vimos, a inteligência artificial vem progredindo bastante nos últimos tempos e ela ocupa um lugar estratégico na empresas, principalmente no uso voltado para o marketing. Você também poderá criar sua própria estratégia usando o data driven marketing, basta apenas explorar o uso de ferramentas e o uso criativo da tecnologia.

Curtiu o artigo? Que tal seguir nossas redes sociais e conhecer um pouco mais sobre o nosso trabalho? Estamos no Facebook, LinkedIn e YouTube!

Ebook Inteligência de MercadoPowered by Rock Convert
Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-